Ainda sobre o amor ♦ Radyr Gonçalves

Caixa Esquecida - Radyr Gonçalves


O corpo da solidão
O corvo no alçapão
A rima setembrina
O pierrô, a colombina
E todos os lugares comuns
Na velha caixa esquecida

O medo da subida
A passagem só de ida
A coisa não vinda
A história infinda
O novelo, a novilha, a novena
O redemoinho
O moinho de moer poesia
O fazedor de pipas
A linha, os caibros, as ripas
O teto desalinhado do meu velho quarto

Um quarto do tempo passo escrevendo
O resto do tempo passo voando
Perscrutando o imperscrutável
Querendo saber de Deus
Do diabo, do papagaio do pirata
Da rotação da hélice sem norte
Do ponto nobre do tricô
Do plano real da morte

E acabo preso na solidão
Escalando as paredes
Desbravando o chão

E velando essa velha caixa esquecida
Cheias dos meus destroços.

...

Radyr Gonçalves 
Copyright 2017
Todos os direitos reservados

Comentários