Ainda sobre o amor ♦ Radyr Gonçalves

Bruxa - Radyr Gonçalves



Boca noturna, fogo, neblina
Acutomancia com agulhas sagradas
Nudez alva, divinos olhos,
Ventre em chamas – cio de seios
Bruxa!

Alquimia do orgasmo
Vassoura que penetra o horizonte
E rasga o céu
Corrompendo as nuvens

Beltane no saguão do inferno
Elementais lunares
Terra e cama
Água e gozo
Fogo e lira
E dois corpos bailando no ar

Livro das sombras rasurados
Megalith hotel
Ostara e poesia
Pentáculo entalhado pelos deuses
Prana, plena, planar

Caldeirão de todas as coisas
A rosa negra – o éter
O portal... O útero da pagã
Que verte a vida

Enquanto a morte acende uma vela...

Ser bruxa é coisa bela.

-
Radyr Gonçalves
Copyright 2016
Todos os direitos reservados