Ainda sobre o amor ♦ Radyr Gonçalves

Cecília


(Para Maria Cecília Messias)


Cecília dedilha o silencio
Caricia a noite
Se deita nas abas da lua
Seminua
Cecília canta
E quebra o cristal do silencio

Eu penso em Cecília nua em poesia
Cheia de nove horas
Arrancando pétala por pétala
Do corpo-flor que o adorna

Não sei, de fato, o que Cecília canta
Eu só sei que a noite
E todos os seus súditos
Se rendem a voz de Cecília

Cecília
Nua
Nas abas da lua
Batendo os pezinhos
Fazendo do céu seu gramado
Alado

Como alado são
Os pensamentos do meu coração.

 -
Radyr Gonçalves
Copyright 2012

Comentários