Ainda sobre o amor ♦ Radyr Gonçalves

Perfume

Noite morna
Ouço os arrolhos dos pombos
E o gemido do vento

O quarto está impregnado de perfume
Perfume doce
Amor e psiquê
Ela só usava esta fragrância

Choro seco
Uma névoa platinada cerra minhas vistas
Ao fundo, no céu, a lua prenhe de belezas
Me faz lembrar de um agosto
Cheio de lençóis de nuvens
Que ficou num capitulo de mim
Impregnado
Como o Amor e psiquê...

Ouço os arrolhos dos pombos
E o gemido do vento
Se mistura ao meu.

-
Radyr Gonçalves
Copyright 2011
Todos os direitos reservados

Comentários