Ainda sobre o amor ♦ Radyr Gonçalves

Canção doída ou manhã amorosa




Chove coração
E lava a poeira
Desta alma
Suja
-
Eu sei que é passageira
A dor que agora rebenta
Eu sei que é volátil
Esta mágoa que me prende
-
Clama peito meu
Geme que a dor se aquieta
Rasga o peito
Fia um novo coração
Com estas veias de seda
-
Eu sei que é doloroso
Peito meu
Eu sei que é quase morte
Esta tua agonia
-
Mas agüenta peito meu
Que a chuva varrerá
Esta dor
Logo a noite passará
E estarás nos braços
De uma manhã amorosa.

-

RADYR GONÇALVES

Comentários

Deise Puga disse…
Mravihoso amigo querido e sumido!!
Deise Puga