Ainda sobre o amor ♦ Radyr Gonçalves

PEQUENAS GOTAS DE SENSIBILIDADE










´´Lembrança, lembrança, me embala feito criança´´





Escrevo risinhos
Lembrando dela
Falava-me de
Goiabas bichadas
De canções que nunca ouvi
De poemas que nunca li



Falava-me da tentativa suicida
Do Cristo redentor
Querendo saltar
Guanabara abaixo



Amo-a

De uma forma tão piegas
Que pareço
Um cidadão
De 1920
Num tempo moderno


Amo-a


Danem-se as opiniões
Danem-se os horários dos voos
Os horóscopos
E a tabela das marés
Danem-se o cítrico
O light. O diet, o diabético


Amo-a


Disso faço flores
Perfume
Poesia
Isso me causa
Insônia
Gastrite
Agonia


Eu Cheio de pedras e amarras
Distribuindo
Pequenas gotas de sensibilidade
Numa tarde quase noite
Que só lembra ela.





Radyr Gonçalves

Copyright 2009

Todos os direitos reservados

Comentários